Como o padrão de beleza feminina mudou nos últimos 100 anos?

Curiosidades | História & Lugares | 12 de abril de 2017 por Lucas Fenrir

Nos séculos 20 e 21, a ideia de corpo perfeito mudou para as mulheres, juntamente com a moda e os comportamentos. Em alguns casos, o contraste entre as décadas é chocante, e dita os padrões para o modo de agir da época. E isso, basicamente, dependia se as pessoas achassem ou não que as mulheres deveriam ter curvas.

Inúmeras dietas, remédios para emagrecer, celebridades icônicas. Tudo isso através de todo um século. mesmo assim, em plano 2017, ainda continuamos a errar. Encorajamos garotas e mulheres a constantemente se compararem umas com as outras, em vez de amar a si próprias e reivindicarem seus direitos.

Confira como o padrão de beleza feminino evoluiu nos últimos 100 anos:

1910 – Gibson Girl

Todas queriam ser como Camille Clifford e Evelyn Nesbit, chamadas de Garotas Gibson. Quadris largos, cintura finíssima e busto razoável. O uso de espartilhos era intenso, justamente para causar esse efeito de corpo “ampulheta”.

1920 – Flapper Girl

Todas queriam ser como as estrelas dos filmes mudos, como Olive Thomas e Alice Joyce. Elas tinham pernas esbeltas e o comprimento das saias era muito “provocante” (ia até logo abaixo dos joelhos).

1930 – Sex Siren

As mulheres queriam ser como Jean Harlow, que trouxe as curvas de volta à moda. Ela era um ícone, uma estrela de cinema que popularizou o loiro como sex symbol.

1940 – Screen Queen

A moda agora era se parecer com uma esposa que aguardava o retorno do marido, que estava na Segunda Guerra Mundial. O espírito independente e a personalidade forte de Katherine Hepburn com certeza moldou os padrões da década de ’40.

1950 – As Curvas

O Maior se tornou melhor, e até alimentos para ganho de peso foram popularizados. Curvas fartas e volumosas. Marilyn Monroe e Elizabeth Taylor foram os sex sybols dessa década.

1960 – Petite

Foram introduzidos a mini-saia e uma figura feminina mais esguia, magras, com poucas curvas e seios menores. As supermodels Twiggy e Jean Shrimpton popularizaram esse tipo de look.

1970 – Pin Up

Ombros largos e quadris finos se tornaram populares nessa época. Nessa era de Rainhas da Dança, Farrah Fawcett era tida como a mais bela.

1980 – Supermodel

Altas, atléticas, longas pernas e esbeltas era o padrão de beleza feminina dessa época. Elle MacPherson e Linda Evangelist popularizaram esse look de super modelos.

1990 – Waif

As passarelas foram invadidas por belas mulheres magras, andrógenas e mainstreams. Kate Moss e Jodie Kidd iniciaram esse padrão heroico.

2000 – Divas pop

Corpos definidos, brilho e spray pra cabelo ditaram a beleza da década passada. Christina Aguilera e Britney Spears ditavam o padrão de beleza em seus vídeo clipes sensuais.

2010 – Bumbum Gigante

 

Instagram, twitter e Facebook fez das celebridades os próprios paparazzi. Bumbum avantajado e curvas acentuadas transformaram Kim Kardashian e Nicki Minaj no modelo de beleza perfeito atualmente.

Mas, sejam livres, mulheres e homens. Se aceitem. Somos todos lindos da maneira que somos!

Mas e ai, leitoras e leitores, o que achou dessas imagens? Quais delas você mais considera “bela”? Qual é o “padrão de beleza” para você? Deixa pra gente nos comments (:

Fonte(s): Bored Panda
Imagens: Bored Panda
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Comentários