7 truques de mágica que falharam absurdamente

Mistérios & Horror | 20 de abril de 2016 por Isabella Marques

Alguns contratempos durante uma apresentação de mágica é bem comum, como descobrir a assistente de palco escondida em um fundo falso ou o coelho pular da cartola antes de começar a apresentação. Mas algumas apresentações são tão arriscadas que podem levar a morte.

Alguns truques de mágica são mais arriscados, como o da captura de bala, que é um dos truques mais perigosos que já existiram. Além desse truque, existe aquele de se enterrar vivo ou o de engolir espadas ou coisas bem afiadas. Além do famoso Houdini, muitos mágicos já morreram durante apresentações.

Conheça 7 falhas épicas em truques de mágica:

1- Chung Ling Soo

chung-ling-soo

O mágico William Ellsworth Robinson no início do século 20 trabalhava sob o nome de Chung Ling Soo. Robinson era um nova-iorquino de ascendência escocesa, que assumiu uma persona asiática, roubou um nome de um mágico chinês, e só falou no palco uma língua chinesa falsa. Todos acreditavam que ele era de fato asiático.

Durante uma apresentação em Londres, Chung Ling Soo que costumava utilizar um truque de pegar balas de tiro, decidiu diferenciar e escolheu outra arma, um rifle. Quando pediu que atirassem em sua direção, o falso chinês se assustou com o barulho e não conseguiu capturar a bala, levando um tiro no peito. Ele foi levado ao hospital mas faleceu horas depois.

2- Madame Delinsky

george-grimmond-catch-622x415

Os poloneses da família Delinsky faziam apresentações juntos, o casal fazia uma apresentação semelhante a de Chung Ling Soo, e coincidentemente tiveram um destino parecido. Na apresentação deles, seis atiradores carregavam as armas com balas, mas mordiam a munição para tornar a bala em festim.

Infelizmente, algum dos atiradores não fez do jeito de costume e a bala atingiu Madame Delinsky, a assistente do marido que estava grávida.

3- Arnold Buck

hqdefault

Este mágico foi morte por um dos espectadores. Enquanto houver mágico, sempre existirá aquele espectador cético que duvida do poder do mágico. O espectador armou contra o mágico e ao se voluntariar para participar de um truque de mágica adicionou pregos na arma. O truque do espectador causou a morte de Arnold Buck.

4- Ralf Bialla

Magician Ralf Bialla performs bullet catch

Sempre precavido, Ralf Bialla utilizava várias proteções durante suas apresentações, como óculos à prova de balas, luvas bem grossas que o ajudava a cobrir o rosto. A bala passava por três “proteções de vidro” antes de chegar até o mágico. Bialla chegou a ter sérios machucados após suas apresentações, o que resultou em algumas sequelas, e foi uma das sequelas que causou de fato a sua morte. Durante um passeio nas montanhas Bialla sentiu uma tontura e caiu de um penhasco. Ele pode não ter morrido no palco, mas sua morte foi diretamente causada pelas apresentações.

5- Joseph Burrus

houdini-coffin-escape-1920-622x415

Considerado o próximo Harry Houdini, Burrus teve o mesmo destino trágico do seu ídolo. Em uma noite de Halloween ele se algemou e trancou em um caixão caseiro, em seguida foi colocado em uma cova de dois metros de profundidade e enterrado vivo.

Um caminhão começou a cobrir o caixão com cimento molhado. Até agora, tudo estava indo de acordo com o plano. E Burrus não consegiu terminar o “truque” pois foi esmagado pelo cimento.

6- Dr. Vivian Hensley

4-razor-blade

Um dentista de Brisbane, Austrália, tentou participar de um truque de mágica, mas ele não era mágica profissional. Dr. Hensley estava realizando seu próprio truque chamado “engolir a lâmina de barbear enferrujada” para seu filho. El fez o truque, fingindo escorregar a lâmina de barbear em sua boca, enquanto a colocava para baixo da manga de seu casaco. Em 6 de Julho de 1938, durante a realização do truque ele escorregou e caiu acidentalmente a navalha rasgou sua garganta. Sua esposa o fez comer bolas de algodão, enquanto ela o levou para o hospital. Apesar de uma bateria de raios-X e dois episódios de cirurgia, os médicos foram incapazes de localizar a navalha, e o dentista morreu quatro dias depois.

7- Raoul Curran

hugard

Raoul não morreu graças a um erro dele. A história é trágica pois quem o matou foi um de seus espectadores. Após mais uma apresentação, Raoul pegou a bala normalmente, como sempre. Mas no fim, um dos espectadores atirou no mágico e disse: “Pega essa”. O mágico morreu.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Comentários