7 diferenças entre Amor e Paixão que nos deixam confusos

Curiosidades | Entretenimento | 19 de abril de 2017 por Lucas Fenrir

Aos olhos inexperientes, Amor e Paixão podem parecer a mesma coisa. Na verdade, apesar de presentes um no outro, eles são duas coisas completamente distintas. E entender isso é extremamente importante para se ter uma relação saudável, longa e duradoura.

Nós conseguimos listar as 7 principais diferenças entre Amor e Paixão, que podem deixar muitas pessoas confusas. Você pode achar que está amanando e estar apenas apaixonado; ou achar que está apaixonado, mas já começou a amar. De todo jeito, saiba entender a si mesmo, e vai saber como lidar com tais sentimentos.

E não se esqueça: toda Paixão pode virar Amor, se for administrada da maneira correta.

Confira 7 diferenças entre amor e apego que nos deixam confusos:

1 – Paixão destrói, Amor constrói

A paixão te cega. Ele pode te tornar violento, te fazer ter relações sexuais de forma desprotegida, e mais um monte de coisas irresponsáveis. O Amor, por outro lado, te faz pensar mais nas coisas. O Amor te faz querer o melhor para o(a) parceiro(a), em vez de se entregar aos hormônios da Paixão e fazer coisas sem pensar nas consequências.

2 – Paixão vai e volta, mas Amor fica

A Paixão existe em um relacionamento baseado em Amor Verdadeiro. Mas a Paixão geralmente fica sem segundo plano, quase inexistente. À medida que o Amor vai sendo construído, você começa a perceber defeitos na pessoa amada, defeitos que não via antes. E só o Amor pode fazer você aceitar esses defeitos, ou mudá-los, tudo para dar certo com a pessoa. para se completarem. E só um novo Amor verdadeiro pode curar a dor de outro.

3 – Paixão precisa de hormônios, e Amor só precisa de princípios e habilidades

Para que a Paixão exista, você só precisa de altos níveis dos hormônios Oxitocina e Vasopressina. Só. Seu cérebro cuida muito bem dessa parte. Mas para o Amor existir, é necessário princípios e habilidades, como respeito, honestidade, comunicação, empatia. E esses princípios devem ser compatíveis com o do(a) seu(sua) parceiro(a).

4 – Paixão é imediata, Amor leva tempo

A Paixão pode ocorrer minutos depois de ter conhecido uma pessoa. Você se encontra com alguém bonito e bacana, e de repente quer ficar junto dele a todo instante. Você pode até falar um “eu te amo”. Não que não seja sincero, mas pode ser precipitado. Afinal, o Amor é algo que se desenvolve mutuamente, com o decorrer do tempo, com muitos desafios e dificuldades e conversas sinceras.

5 – Paixão faz você querer se exibir, Amor ignora a opinião das pessoas

A Paixão faz com que você procure aprovação e validação da pessoa amada, quer algo em troca. Pede atenção e afeto em locais públicos, fotos do casal nas redes sociais e querer mostrar pra todo mundo a sua relação. Ma quando isso vira Amor, você não precisa de validação. Você terá vivido e sofrido muito com a pessoa amada, e vai reconhecer que o que vocês tem é o que realmente importa.

6 – Paixão é baseada em perfeição, e o Amor é baseado em aceitação

Paixão faz você achar que a pessoa e a relação de vocês é a coisa mais perfeita do mundo. Mas o Amor faz você perceber que você ainda é louco pela pessoa mesmo depois de descobrir que ela não é assim tão perfeita. No Amor, você aceita os defeitos.

7 – Paixão pode ocorrer com muitas pessoas, mas Amor só com uma

Se você quer se apaixonar, vá a um bar ou balada, procure uma pessoa do seu gosto e fique com ela. isso vai funcionar em qualquer cidade, país, etc. Mas o Amor, é claro, é bem mais difícil de acontecer. A pessoa pela qual você se apaixonar vai ter muitas qualidades e valores específicos. A experiência de vida dela vai ser compatível com a sua. A pessoa vai ser forte em momentos em que você é fraco, e vice versa.

E então, leitor(a), o que achou da nossa lista? Concorda com os itens? Qual é a diferença entre Paixão e Amor pra você? Deixa pra gente nos comments (:

Fonte(s): David Wolfe
Imagens: Giphy
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Comentários